Fundo PT ILCAE PBP - Paróquia do Bom Pastor

Missão da Madalena
Original Objeto digital not accessible

Zona de identificação

Código de referência

PT ILCAE PBP

Título

Paróquia do Bom Pastor

Data(s)

  • 1887 (Produção)

Nível de descrição

Fundo

Dimensão e suporte

Zona do contexto

Nome do produtor

(1887-01-06)

História administrativa

O templo da Paróquia do Bom Pastor foi edificado a 6 de janeiro de 1887, tendo a partir desse ano sido local de culto até aos dias de hoje. Embora já dois anos antes e na antiga Rua do Monte, no mesmo lugar, se realizassem cultos religiosos pelo reverendo André Cassels. O fundador desta Paróquia foi o reverendo André Boys Cassels (1849-1931), irmão de Diogo Cassels, que foi ordenado de diácono em 1 de Julho de 1891 tendo recebido as ordens de presbítero em 1895.
Junto à Igreja André Cassels mandou construir uma Escola Primária na qual durante muitas décadas se desenvolveu um notável trabalho educativo e assistencial às populações mais desfavorecidas. O templo do Bom Pastor teve início na escola, constituindo-se em missão anexa ao edifício, no ano de 1885. Foi inaugurado em 6 de Janeiro de 1888, uma sexta-feira, tendo assistido à cerimónia mais de meio milhar de pessoas. O sermão inaugural esteve a cargo de Robert Moreton - com quem André Cassels manteve sempre óptimas relações - encarregando-se Diogo e Guilherme Dias dos sermões no sábado e domingos seguintes.
O edifício viria a sofrer importantes melhoramentos posteriores, como a construção de uma sala destinada à União Cristã da Mocidade de Gaia, em 24 de Outubro de 1908, permitindo assim alojar esta organização, surgida inicialmente no Prado, mas cuja organização apenas se estabilizou quando obteve o seu próprio espaço no Candal.
Em 1889 é formalmente organizada a Congregação do Bom Pastor, que elege uma Junta Paroquial e representantes ao Sínodo da Igreja Lusitana, desta forma se agregando oficialmente aquela Igreja.
No decorrer do século XX e em finais da década de sessenta e inícios da de setenta sob a orientação do Sr. Bispo Daniel de Pina Cabral na altura pároco do Bom Pastor o edifício da Igreja sofre profundas remodelações dando lugar a um espaço de culto de linhas modernas.
Na actualidade, é nesta paróquia que funciona o Centro Comunitário criado em 1997 com o objectivo principal de desenvolver serviços que respondessem às necessidades prementes da comunidade envolvente. Desenvolve as seguintes actividades: apoio alimentar, actividades de animação e cultura, centro comunitário, apoio social, encaminhamento e informação, lavandria e transporte.

Nome do produtor

(1849-1931)

História biográfica

Nasceu a 28 de julho de 1849, foi industrial e nessa qualidade teve de solicitar uma autorização especial para poder ser ministro da Igreja Lusitana, à qual aderiu em 1890 e que serviu durante 41 anos.
Pela proximidade que manteve com o irmão, cinco anos mais velho, Diogo Cassels, foi dos membros mais ativos da Igreja. Em 1886 era o tesoureiro da Junta Paroquial do Redentor e já então, sustentava a escola do Candal, inaugurada em Fevereiro de 1884. Em 1900 dirigia a orquestra da União Cristã Feminina do Bom Pastor.
Além da actividade musical, André dedicou-se ainda à ficção, escrevendo novelas de edificação religiosa.
Residiu sempre em Gaia, primeiro em Lavadores e depois no Candal, onde fundou uma escola a que mais tarde juntou um templo. A ele se deve também o edifício da Igreja Lusitana do Bom Pastor, Candal, Vila Nova de Gaia, que mandou construir em 1886. Como seu pai, John Cassels, que tinha montado uma fábrica de fiação em Mafamude, próximo do cemitério, o Reverendo André Cassels instala no Candal uma fábrica de fiação, conhecida então como "fábrica da lã". Mas não se limitou a ser apenas industrial, dedicou-se ainda à pregação do Evangelho nas Missões de Coimbrões,Madalena, do Marco e de Lavadores, Vila Nova de Gaia, Guimarães, e Viana do Castelo.
Gostava também de escrever, no seu jornal "O Bom Pastor" há vários trabalhos seus de muito interesse; a ele se deve também a publicação da "Biblioteca António Maria Candal", trÊs séries, com 20 opúsculos, ainda o Almanach para 1909, repositório de boas informações para aquele ano e também de história. É certo que era o Reverendo Armando Pereira de Araújo quem dirigia as publicações, mas André Cassels sem pre as acompanhava. Entre 1909 e 1914 escreveu 68 artigos e tantas outras notas.
Foi ordenado diácono em 1891, em Dublin, e a 13 de Junho de 1895 ordenado presbítero.
Criou a Liga dos Rebuscadores e participou em missões fora de Vila Nova de Gaia. Contribuiu ainda, para publicações periódicas como "O Bom Pastor" (1901-1916), "Luz e Verdade" (1919).
Faleceu em 18 de dezembro de 1931, contando 82 anos.

História do arquivo

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona de condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona de documentação associada

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso (assuntos)

Pontos de acesso - Nomes

Pontos de acesso (assuntos)

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

PT ILCAE PBP

Identificador da instituição

PT/ILCAE

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Preliminar

Nível de detalhe

Mínimo

Datas de criação, revisão, eliminação

11.01.17 (AV);

Línguas e escritas

Script(s)

Fontes

Objeto digital (Mestre) zona de direitos

Objeto digital (Referência) zona de direitos

Objeto digital (Icone) zona de direitos

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Géneros relacionados